Você sabe o que é processamento auditivo?

Você sabe o que é processamento auditivo?

29-10-2020 10:39 | Por Fga. Me. Fabiana Ribeiro Guedes Hoff / Fga. Me. Karla Barbosa Guarda Paoliello

Olá pessoal, tudo bem?



Estamos aqui para um bate papo esclarecedor! Sim, é o nosso objetivo para

essa oportunidade que a Starkey nos deu de esclarecermos o que realmente é

o processamento auditivo! Contudo, pedimos licença para utilizarmos uma

linguagem que seja mais acessível para que todos possam aproveitar as

informações!

Bom, você sabia que o som que detectamos com o nosso ouvido só é realmente

compreendido pelo nosso cérebro? Sim, é isso mesmo! O som que captamos é

um estímulo mecânico, ou seja, conseguimos sentir sua vibração... lembre-se de

uma vez que um carro tenha passado com uma música bem forte... você

percebeu a sensação do som em seu corpo! Lembrou? 

Então, acontece que nosso cérebro só entende estímulos elétricos. Assim, existe

em nosso corpo a cóclea, onde está o Órgão de Corti, responsável por

transformar o som em eletricidade, trabalho realizado pelas células ciliadas. A

partir desse momento, esse estímulo passa por várias “estações” ao longo de

nossas vias auditivas, que funcionam como “estradas que conduzem o estímulo

da cóclea ao cérebro”. Nosso cérebro possui áreas diferentes para o

reconhecimento dos estímulos, há uma área para a visão, outra para audição,

etc. 

Até que a compreensão ocorra na área cerebral responsável pela audição

algumas situações ocorrem: percebemos a presença do som, localizamos de

onde ele vem, temos atenção a ele, fazemos comparações e diferenciações com

o que está sendo percebido e o que conhecemos, integramos/unimos o que

captamos pelas orelhas direita e esquerda, percebemos a velocidade, a

intensidade e a entonação, associamos/reconhecemos sensações/emoções.

Muitas vezes os sintomas que apresentamos são: sei que estão falando comigo,

mas não entendo, fico muito confuso ou até mesmo irritado para compreender o

que foi falado em ambientes ruidosos, posso não entender perfeitamente o que

o professor diz em sala de aula, canso-me com frequência em atividades que

exigem minha atenção, confundo ou troco palavras durante conversas, sou

desatento, tenho dificuldade para memorizar, não consigo acompanhar letras de

músicas, sou desafinado, tenho dificuldade para aprender novos idiomas etc. 

Se você se identificou com um ou mais dos sintomas descritos, procure um

fonoaudiólogo especialista na área para melhor auxiliá-lo.

Estamos à sua disposição!